jusbrasil.com.br
4 de Dezembro de 2016
    Adicione tópicos

    TRF-4 - AGRAVO DE INSTRUMENTO : AG 39447 RS 2005.04.01.039447-1

    PROCESSUAL CIVIL. EXCEÇÃO DE INCOMPETÊNCIA. ART. 109, § 2, CF/88.INCABÍVEL A SUSPENSÃO DO PROCESSO. ART. 306 DO CPC. AUSÊNCIA DE VEROSSIMILHANÇA E DE PERICULUM IN MORA.

    Processo
    AG 39447 RS 2005.04.01.039447-1
    Orgão Julgador
    QUARTA TURMA
    Publicação
    DJ 25/01/2006 PÁGINA: 287
    Julgamento
    14 de Dezembro de 2005
    Relator
    MÁRCIO ANTÔNIO ROCHA
    Andamento do Processo

    Ementa

    PROCESSUAL CIVIL. EXCEÇÃO DE INCOMPETÊNCIA. ART. 109, § 2, CF/88.INCABÍVEL A SUSPENSÃO DO PROCESSO. ART. 306 DO CPC. AUSÊNCIA DE VEROSSIMILHANÇA E DE PERICULUM IN MORA.

    1. Pode a parte autora optar pelo foro em que irá ajuizar a ação, nos limites legais. A participação da ANP no feito não é motivo para alterar a competência territorial da Seção Judiciária de Porto Alegre -RS para a Seção Judiciária do Rio de Janeiro - RJ ou de Brasília -.

    2. Quanto ao pedido de suspensão do processo, deve ser dada ao art. 306 do CPC uma interpretação restritiva, vigorando a suspensão aludida até que a exceção seja julgada em primeiro grau de jurisdição, até a definição da exceção pelo Juiz, e não até o seu julgamento final transitado em julgado.

    3. Não merece prosperar o pleito de suspensão do processo, seja pela ausência de verossimilhança e de periculum in mora, seja pela inteligência do disposto no art. 306 do CPC.

    4. Agravo de instrumento improvido.

    Veja essa decisão na íntegra
    É gratuito. Basta se cadastrar.
    Disponível em: http://trf-4.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/1212204/agravo-de-instrumento-ag-39447

    0 Comentários

    Faça um comentário construtivo para esse documento.

    Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "GRITAR" ;)